terça-feira, 16 de dezembro de 2008

A gente da minha terra por vezes não sabe o que diz!

Já me disseram de tudo sobre esta mulher. Uns, disseram que é uma pessoa maravilhosa. Outros, que era uma arrogante, mal criada e presunçosa com a mania que é a maior. As pessoas têm muito o hábito de colocar rótulos nos outros e os famosos muitas das vezes são os mais afectados com esse tipo de atitude. Se esta senhora foi mal educada com alguém é porque se sentiu incomodada com alguma coisa, se nós, que somos uns perfeitos desconhecidos por vezes somos mal educados em certas situações porque é que as pessoas mais mediáticas não têm o direito de o ser? Além do mais, como é que uma pessoa que no último concerto da Tour ao cantar o tão famoso fado "Gente da minha terra" se emociona de tal maneira, que começa a chorar. Se esta mulher tivesse "a mania que é boa" não se sentia comovida de maneira alguma por ter tantos fãs a cantar com ela. E se a Mariza se acha a melhor, então é bom que ache mesmo, porque tal como Amália Rodrigues conquistou o mundo com a sua voz, Mariza também o fez.

2 comentários:

Dantins disse...

Esta senhora, é uma verdadeira senhora :)
Já tive o privilégio de a ver várias vezes ao vivo, na última, fui até Guimarães prepositadamente.
Este concerto acabou com ela a cantar junto do público sem qualquer tipo de som, foi fabuloso vê-la no meio de nós a cumprimentar todos por quem passava.
Esta é uma atitude de alguém humilde que não se coibe de estar com aqueles que a admiram.
Não me parece que seja convencida, mas sejamos sinceros com aquela voz, motivos não lhe faltariam para o ser :)

Leonor disse...

Eu só a vi uma vez e foi em Santarém... devo confessar que adorei mesmo!